Revista de Odontologia da UNESP
https://revodontolunesp.com.br/article/604924faa953950da003ca12
Revista de Odontologia da UNESP
Congress Abstract

Ação do laser de baixa intensidade no tratamento da mucosite oral: relato de caso

Amanda Borges Vitoriano CAMARGOS, Juliana Dela LÍBERA, Letícia Cardana ZAFANI, Monica Moreno de CARVALHO, Luana Ferreira OLIVEIRA, Maria Eduarda de Freitas Santana OLIVEIRA, Luciana Estevam SIMONATO

Downloads: 1
Views: 42

Resumo

A mucosite oral é uma das complicações mais frequentes em pessoas que passam por tratamento antineoplásico. Apresenta-se como lesões inflamatórias e/ou úlceras, resultando em desconforto grave que pode prejudicar a capacidade do paciente de comer, engolir e falar, podendo ter associação com infecções secundárias. Os efeitos da terapia a laser de baixa intensidade (LLLT) vem destacando-se em relação a prevenção e tratamento dessas lesões. Este trabalho teve como objetivo relatar um caso de mucosite oral tratada com o uso de LLLT. Paciente de 55 anos, sexo masculino, compareceu ao Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) do município de Fernandópolis/SP com queixa principal de “feridas na boca”. Durante a anamnese identificou-se que o paciente estava em tratamento quimioterápico devido à neoplasia maligna acometida em fígado e baço. Ao exame físico intrabucal observouse múltiplas lesões ulceradas em mucosa labial inferior, mucosa jugal e bordas laterais de língua. Instituiu-se laserterapia três vezes por semana para tratamento das lesões de mucosite. Inicialmente, utilizamos o comprimento de onda (λ) 660nm, densidade de energia 4,0 J/cm2, terapêutico, em torno das lesões. Foi orientado quanto à higiene oral e uso de bochechos com gluconato de clorexidina a 0,12%. Após a primeira sessão, houve remissão da dor, após a segunda, o paciente já se alimentava. Diante do caso apresentado, pudemos concluir que a mucosite oral é um dos efeitos colaterais mais significativos na terapia contra o câncer, e que o uso do laser de baixa intensidade pode prevenir parcialmente o seu desenvolvimento, como também, reduzir significativamente a dor, a gravidade e a duração dos sintomas. Sendo assim, é importante que os cirurgiões-dentistas estejam atentos as características dessas lesões, a fim de realizar diagnóstico e indicar um tratamento eficaz que ajude a aumentar a qualidade de vida do paciente.

Palavras-chave

Mucosite; terapia com luz de baixa intensidade; radioterapia.
604924faa953950da003ca12 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections