Revista de Odontologia da UNESP
https://revodontolunesp.com.br/article/5dee422f0e88259941b5f735
Revista de Odontologia da UNESP
Congress Abstract

Utilização da ozonioterapia no tratamento de comunicação buco-sinusal: relato de caso clínico

Guilherme Vieira Luvisoto BELOTTO, Adriana Leandra PIANCA, Elcio MARCANTONIO JUNIOR, Chaine PAVONE

Downloads: 0
Views: 46

Resumo

Introdução: Desde a primeira guerra mundial, a aplicação do ozônio tem sido utilizada como terapia coadjuvante em patologias crônicas e agudas devido a sua capacidade anti-infecciosa e seus efeitos benéficos na cicatrização de feridas. A reação entre a molécula de ozônio e os fluídos corporais, resulta na formação de espécies reativas de oxigênio (ERO) e nos produtos de oxidação lipídica (POL), moléculas estas responsáveis pelos efeitos biológicos da ozonioterapia a curto e longo prazo. De acordo com a finalidade terapêutica, a dose e a forma de aplicação, o ozônio é capaz de acelerar o processo inicial de cicatrização, estimular a formação óssea, aumentar a oxigenação dos tecidos, promover efeito anti-inflamatório, analgésico e bactericida, intervindo diretamente no equilíbrio das reações metabólicas de óxido-redução, além de possuir baixo custo, fácil aplicação e ausência de efeitos adversos. Objetivo:  Descrever a técnica de utilização do ozônio no tratamento de comunicação buco-sinusal na região posterior de maxila. Procedimento clínico:  Após exodontia, paciente do gênero feminino desenvolveu quadro clínico de comunicação do seio maxilar com a cavidade bucal; A cirurgia para fechamento da comunicação por meio da mobilização da Bola de Bichat foi realizada, entretanto não houve completo fechamento da comunicação após este procedimento; Dessa forma, a aplicação da água e do óleo ozonizados, bem como a injeção do gás de ozônio (5μg/mL) foram utilizadas semanalmente e após um período de 5 semanas, foi observado o completo fechamento da comunicação; Durante a terapia com o ozônio nenhum tipo de medicação ou bochecho foram realizados. Conclusão:  De acordo com os parâmetros clínicos observados, o método de aplicação do ozônio foi eficaz durante o processo de fechamento da comunicação buco-sinusal, além de melhorar a capacidade de abertura bucal relatada pela paciente durante e após o tratamento.

Palavras-chave

Ozônio; Cicatrização de feridas; Agentes anti-infecciosos
5dee422f0e88259941b5f735 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections