Revista de Odontologia da UNESP
https://revodontolunesp.com.br/article/doi/10.1590/1807-2577.00923
Revista de Odontologia da UNESP
Original Article

Práticas de higiene bucal em bebês de 6 meses de idade

Oral hygiene practices in babies aged 6 months

Bianca Colombo FERREIRA; Livia Rafaela da SILVA; Karin Luciana Migliato SARRACINI; Lenita MARANGONI-LOPES

Downloads: 0
Views: 478

Resumo

Introdução: a recomendação mais atual é de que a higiene bucal deve ser iniciada após a erupção do primeiro dente. Porém, há divergência de opiniões a respeito da necessidade ou não da higiene bucal do bebê desdentado.

Objetivo: avaliar as práticas maternas de higienização bucal dos bebês menores de 6 meses de idade.

Material e método: foi aplicado um formulário digital contendo quatro questões sobre informações sociodemográficas e quatro questões específicas. Foi realizada análise estatística descritiva, e os resultados foram comparados estatisticamente entre as crianças que receberam e não receberam higiene bucal antes dos 6 meses de idade.

Resultado: pode-se observar que a idade, a escolaridade e a renda familiar das mães que realizavam higiene bucal de seus filhos antes da erupção do primeiro dente foram maiores do que das mães que não realizavam esse tipo de higiene. A idade das crianças, a idade de erupção do primeiro dente, o recebimento de orientações profissionais e o tipo de aleitamento não diferiram entre os grupos.

Conclusão: ainda há uma grande parcela de mães que realiza higiene bucal dos bebês edêntulos.

Palavras-chave

Saúde bucal, educação em saúde bucal, higiene bucal

Abstract

Introduction: the starts of oral hygiene after the first tooth eruption is the most current recommendation. However, there are differences of opinion regarding whether or not oral hygiene is necessary for edentulous babies.

Objective: to evaluate the maternal practices of oral hygiene of babies under 6 months of age.

Material and method: a digital form was applied containing 4 questions about sociodemographic information and 4 specific questions. Descriptive statistical analysis was performed and the results were statistically compared between children who received and did not receive oral hygiene before 6 months of age.

Result: it can be observed that the age, education and family income of mothers who performed oral hygiene before the eruption of the first tooth was higher than that of mothers who did not perform this type of hygiene. The age of the children, age of eruption of the first tooth, whether they received professional guidance and type of breastfeeding did not differ between the groups.

Conclusion: there is still a large portion of mothers who perform oral hygiene of edentulous babies.
 

Keywords

Oral health, oral health education, oral hygiene

References

1 Calil VMLT, Falcão MC. Composição do leite humano: o alimento ideal. Rev Med. 2003;82(1-4):1-10. http://dx.doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v82i1-4p1-10.

2 Marques RFSV, Lopez FA, Braga JAP. O crescimento de crianças alimentadas com leite materno exclusivo nos 6 primeiros meses de vida. J Pediatr. 2004 Abr;80(2):99-105. http://dx.doi.org/10.2223/1147.

3 Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Política de Saúde. Organização Pan-Americana da Saúde. Guia alimentar para crianças menores de dois anos. Brasília: Ministério da Saúde; 2021.

4 Nascimento EN, Leone C, Abreu LC, Buccini G. Determinants of exclusive breast-feeding discontinuation in southeastern Brazil, 2008-2013: a pooled data analysis. Public Health Nutr. 2021 Jul;24(10):3116-23. http://dx.doi.org/10.1017/S1368980020003110. PMid:32924912.

5 Anastácio COA, Oliveira JM, Moraes MM, Damião JJ, Castro IRR. Perfil nutricional de alimentos ultraprocessados consumidos por crianças no Rio de Janeiro. Rev Saude Publica. 2020;54:89. http://dx.doi.org/10.11606/s1518-8787.2020054001752. PMid:32901754.

6 Ferreira MJS Fo, Porfirio KCF, Trindade GB, Silvestre LA, Varejão LC, Nascimento JR, et al. A importância da higiene bucal do bebê de zero a um ano de idade: revisão de literatura. Braz J Dev. 2021;7(2):13086-99. http://dx.doi.org/10.34117/bjdv7n2-090.

7 Oliveira DFS, Moura HG, Oliveira AJ. Higiene bucal de bebês de 0 a 6 meses. Rev Cient ITPAC. 2008;1(1):34-8.

8 Rahmadiyanti R, Halimatussadiah H. Relationship between personal hygiene during breastfeeding and oral thrush in infants 0-6 months. Int J Health Pharm. 2023;3(4):487-92.

9 Oba PM, Holscher HD, Mathai RA, Kim J, Swanson KS. Diet influences the oral microbiota of infants during the first six months of life. Nutrients. 2020 Nov;12(11):3400. http://dx.doi.org/10.3390/nu12113400. PMid:33167488.

10 Tinanoff N, Baez RJ, Guillory CD, Donly KJ, Feldens CA, McGrath C, et al. Early childhood caries epidemiology, aetiology, risk assessment, societal burden, management, education, and policy: global perspective. Int J Paediatr Dent. 2019 May;29(3):238-48. http://dx.doi.org/10.1111/ipd.12484. PMid:31099128.

11 Gigliotti MP, Theodoro D, Oliveira TM, Silva SMB, Machado MAAM. Relação entre nível de escolaridade de mães e percepção sobre saúde bucal de bebês. Rev Salusvita. 2007;26(2):65-73.

12 Campos L, Bottan ER, Birolo JB, Silveira EG, Schmitt BHE. Conhecimento de mães de diferentes classes sociais sobre saúde bucal no munícipio de Cocal do Sul (SC). Rev Sul-Bras Odontol. 2010 Set;7(3):287-95.

13 Associação Latinoamericana de Odontopediatria. Guia da saúde bucal para pediatras [Internet]. Bogotá: Colombia: Associação Latinoamericana de Odontopediatria; 2017 [citado em 2022 Set 18]. Disponível em: https://backup.revistaodontopediatria.org/publicaciones/Guias/Guia-de-salud-bucal-infantil-para-pediatras-Web-Portugues.pdf

14 Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Saúde bucal. Brasília: Ministério da Saúde; 2008. 92 p. (Série A. Normas e Manuais Técnicos. Caderno de Atenção Básica; nº 17).

15 Global Child Dental Fund. Sociedade Brasileira de Pediatria - SBP. Guia de saúde oral materno-infantil [Internet]. Londres: Global Child Dental Fund; 2020 [citado em 2022 Set 25]. Disponível em: https://www.sbp.com.br/imprensa/detalhe/nid/guia-de-saude-oral-materno-infantil-atualiza-diretrizes-para-gestantes-manterem-cuidados-com-a-saude-bucal-na-pandemia/

16 Ruiz DR. Orientações aos pais sobre cuidados com a saúde bucal do bebê e das crianças [Internet]. Vitória: Associação Brasileira de Odontopediatria; 2020 [citado em 2022 Set 18]. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/5385038/mod_resource/content/1/ABOPED%20Orienta%C3%A7%C3%B5es%20pais%20cuidados%20s%C3%A1ude%20bucal%20beb%C3%AA%20crian%C3%A7as.pdf

17 Oliveira MLM, Rosing CK, Cury JA. Prescrição de produtos de higiene oral e aplicação profissional de fluoretos. Manual com perguntas e respostas. Belo Horizonte: Ed. da Autora; 2022.

18 Brasil. Lei nº 10.421, de 15 de abril de 2002. Estende à mãe adotiva o direito à licença-maternidade e ao salário-maternidade, alterando a Consolidação das Leis do Trabalho, aprovada pelo Decreto-Lei nº 5.452, de 1º de maio de 1943, e a Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991. Diário Oficial da União. Brasília, 16 Abr 2002; Seção 1. p. 1.
 


Submitted date:
02/17/2023

Accepted date:
07/31/2023

654e4cfba9539519f82ffb32 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections