Revista de Odontologia da UNESP
https://revodontolunesp.com.br/article/604a1f92a95395339a6c8812
Revista de Odontologia da UNESP
Congress Abstract

Hipomineralização molar incisivo (HMI) além dos primeiros molares permanentes

Kasandra Yupanqui BARRIOS, Ary dos SANTOS PINTO, Lourdes dos SANTOS-PINTO

Downloads: 0
Views: 57

Resumo

Introdução: A Hipomineralização Molar Incisivo (HMI) é um defeito de desenvolvimento do esmalte observado nos primeiros molares permanentes com o possível envolvimento dos incisivos. No entanto, em 2003 já se fazia menção da possibilidade de observar defeitos de hipomineralização em outros dentes. Nesse sentido, a literatura e pesquisas recentes trazem a atenção à presença de defeitos de hipomineralização em outros dentes permanentes (HOPT- hypomineralisation of other permanent teeth) como caninos, pré-molares e segundos molares permanentes. Objetivo: Apresentar o caso clínico de um paciente com HOPT e as considerações tomadas no seu tratamento ortodôntico. Conduta Clínica: Paciente de sexo masculino, de 16 anos de idade, que procurou tratamento ortodôntico. No exame clínico observou-se os primeiros molares permanentes hígidos e defeitos de hipomineralização em incisivos, caninos, pré-molares e segundos molares: opacidades demarcadas em 14, 13, 22, 23, 37, 32, 33, 43, 45 e 47; perda de estrutura em 15, 24 e 25; e restaurações atípicas em 17 e 27. Neste caso o diagnóstico seria de HOPT, sendo este um termo recentemente apresentado na literatura. Resultados: No plano de tratamento ortodôntico, decidiu-se a extração de pré-molares e, devido à presença de defeitos severos nos segundos pré-molares superiores, o ortodontista decidiu mudar o plano do tratamento ideal do paciente e optar pela extração dos segundos pré-molares em vez dos primeiros pré-molares. Posteriormente, se realizou o fechamento dos espaços e o paciente contínuo o tratamento segundo o planificado. Conclusão: Os defeitos de hipomineralização podem ser observados em outros dentes permanentes além dos dentes índice da HMI. O caso apresentado mostra a importância de realizar o diagnóstico de defeitos de hipomineralização de forma longitudinal, considerando as implicações da presença e severidade da HOPT no tratamento odontológico.

Palavras-chave

Esmalte dentário; diagnóstico diferencial; dentição permanente.
604a1f92a95395339a6c8812 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections