Revista de Odontologia da UNESP
https://revodontolunesp.com.br/article/604a17cea95395258d25d632
Revista de Odontologia da UNESP
Congress Abstract

Evolução e desafios da atenção à saúde bucal em comunidades indígenas no Brasil: revisão de literatura

Marcela de Come RAMOS, Sulamita Habib GUIMARÃES, Leandro Araújo FERNANDES, Daniela Coelho de LIMA

Downloads: 0
Views: 30

Resumo

Introdução: A atenção à saúde bucal indígena tem apresentado evoluções desde a implantação do Subsistema de Atenção à Saúde Indígena, em 1999, com um modelo de atenção diferenciado, que respeita os métodos de tratamento tradicionais e a diversidade cultural e social desses povos. Objetivos: Este estudo apontou os aspectos relativos à atenção à saúde bucal nas comunidades indígenas, destacando-se a evolução e os desafios ao longo dos anos. Materiais e métodos: A busca ativa de informações foi realizada nas bases de dados SciELO, Bireme, Biblioteca Virtual em Saúde – BVS, LILACS e Pubmed. Foram incluídos 90 trabalhos, sendo considerados nos levantamentos científicos artigos publicados e indexados em revistas nacionais e internacionais. Os descritores utilizados para a busca de periódicos foram: índios brasileiros, populações indígenas, indígenas e índios em combinação com os descritores de saúde indígena e saúde bucal indígena. Resultados: O Programa Brasil Sorridente Indígena possibilitou um maior acesso ao atendimento odontológico nas aldeias, estruturando e qualificando os serviços de saúde bucal garantindo assistência odontológica integral. Porém, há a necessidade de melhorias nas condições de saúde bucal dos povos indígenas, o que pode ser alcançado por meio do fortalecimento das ações de promoção e prevenção de saúde, ampliação dos cuidados e estudos epidemiológicos. Ademais, verifica-se uma diversidade de desafios para o atendimento odontológico em área indígena, em que os aspectos culturais, linguísticos, geográficos, estruturais, organizacionais e operacionais representam dificuldades na atenção à saúde desta população. Conclusão: Dessa forma é importante que o profissional adquira competência cultural, respeite e valorize os aspectos socioculturais dos indígenas e privilegie a prevenção no âmbito coletivo, transcendendo o modelo de assistência focado no individual

Palavras-chave

Saúde de populações indígenas; povos indígenas; serviços de saúde doindígena.
604a17cea95395258d25d632 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections