Revista de Odontologia da UNESP
https://revodontolunesp.com.br/article/604a132da953951ce37d4d24
Revista de Odontologia da UNESP
Congress Abstract

Influência da fotobiomodulação no tecido pulpar após clareação dentária

Sabrina de Castro OLIVEIRA, Isabela Joane Prado SILVA, Alexandre Henrique dos REIS-PRADO, Ivana Márcia Alves DINIZ, Gustavo Sivieri de ARAÚJO, Luciano Tavares Angelo CINTRA, Edilson ERVOLINO, Francine BENETTI

Downloads: 0
Views: 28

Resumo

Em estudo anterior, identificamos um protocolo de aplicação de laser infravermelho (LIV) capaz de minimizar os danos severos causados pelo peróxido de hidrogênio (H2O2) do gel clareador no tecido pulpar. Este estudo avaliou a influência do LIV na inflamação (infiltrado inflamatório e interleucina (IL)-23) e na angiogênese (fator indutor de hipóxia (HIF)-1α), na polpa de dentes clareados. Molares superiores direito e esquerdo de vinte ratos foram divididos aleatoriamente em grupos Controle (sem tratamento) e Clareado (Cla; H2O2 35%, por 30 min), e molares superiores de outros 20 ratos foram divididos em LIV (808 nm, por 30 seg) e Cla-LIV (aplicação de LIV após o procedimento clareador). Aos 2 e 30 dias (n = 10), os ratos foram eutanasiados e as peças preparadas para análises histológica e imunohistoquímica. Os dados foram submetidos aos testes estatísticos de Wilcoxon signedranks e Mann-Whitney (P0,05). Já a imunomarcação de HIF-1α foi mais intensa em Cla aos 2 dias, sem diferença com Cla-LIV (P>0,05); aos 30 dias, houve redução de HIF-1α em Cla, e aumento em Cla-LIV, mas sem diferença significativa (P>0,05). Conclui-se que LIV minimizou a inflamação e imunomarcação de IL-23 após clareação dentária, mas não influenciou a imunomarcação de HIF-1α.

Palavras-chave

Polpa dentária; inflamação; laser.
604a132da953951ce37d4d24 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections