Revista de Odontologia da UNESP
https://revodontolunesp.com.br/article/588018887f8c9d0a098b4cb8
Revista de Odontologia da UNESP
Original Article

Índice de salivação correlacionado à idade e à presença de patologias sistêmicas em idosos frequentadores do Centro de Convivência do Idoso, no município de Itajaí - SC

Index of salivation correlated with the age and the presence of systemic diseases in the elderly visitors of Centro de Convivência do Idoso in Itajaí - SC

Pedrini, R.D.; França, F.Z.; Kreuger, M.R.O.

Downloads: 6
Views: 599

Resumo

A xerostomia, sensação subjetiva de boca seca, consequente ou não da diminuição ou interrupção da função das glândulas salivares, é mais frequente em idosos e no gênero feminino. Estima-se que 23% da população brasileira consomem 60% da produção nacional de medicamentos, principalmente as pessoas acima de 60 anos. Na medida em que o uso de medicamentos é a causa mais comum de hipossalivação, esse dado pode justificar a maior frequencia de xerostomia entre idosos. Este estudo tem por objetivo conhecer a frequência de hipossalivação e as condições clínicas gerais de pessoas da terceira idade, cadastradas e frequentadoras do Centro de Convivência do Idoso do município de Itajaí - SC, no período de abril e maio de 2007. Foi realizado um questionário semiaberto com questões relacionadas à saúde geral e bucal, e uma análise clínica com teste de fluxo salivar estimulado, em cada idoso que se dispôs a participar da pesquisa. Durante a pesquisa, atingiu-se o número de 95 idosos que desejaram participar da pesquisa. Os resultados mostram que a maioria dos entrevistados pertence ao gênero feminino, possuem hipossalivação, apresentam patologias sistêmicas - principalmente as cardiovasculares - e fazem uso de medicação. Verificou-se assim que há uma estreita relação entre hip

Palavras-chave

Odontologia geriátrica, doenças cardiovasculares, xerostomia.

Abstract

The xerostomia, subjective sensation of dry mouth, whether or not the consequent reduction or interruption of the function of salivary glands is most common among the elderly and female patients. It is estimated that 23% of the Brazilian population consume 60% of domestic production of medicines, mainly people over 60 years. The use of medicines is the most common cause of hyposalivation. This study aimed to known the frequency of hyposalivation and general medical conditions of people in old age, registered and visitors of Centro de Convivência do Idoso in Itajaí - SC during April and May 2007. A questionnaire was conducted with semi-open issues related to general and oral health and a clinical test with salivary flow stimulated was made in each elderly who accepted to participate in the study. During the search reached the number of 95 elderly people who wanted to participate in the study. The results show that most respondents belonged to females, have hyposalivation, have systemic diseases, especially the cardiovasculars, and make use of medication. It was thus that there is a close relationship between hyposalivation and certain medicines and their systemic diseases.

Keywords

Geriatric Dentistry, cardiovascular diseases, xerostomia

References



1. Schilder H. Filling root canals in three dimensions. Dent Clin North Am. 1967; 11:723-44.

2. Moraes GI, Betti LV, Kotsubo AM, Yoshizawa MT. Técnica híbrida de Tagger. O melhor nível de atuação do compactador. Rev Gaucha Odontol. 2000;48(3):141-4.

3. Wu MK, Kaut’áková A, Wesselink PR . Quality of cold and warm gutta-percha fillings in oval canals in mandibular premolars. Int Endod J. 2001;34:485-91.

4. Hata GI, Kawazoes S, Toda T. Sealing ability of Thermafil with or without sealer. J Endod. 1992;18:322-6.

5. De-Deus GA, Martins F, Lima ACMR, Gurgel-Filho ED, Maniglia CF, Coutinho-Filho T. Analysis of the film thickness of a root canal sealer following three obturation techniques. Pesqui Odontol Bras. 2003;17:119-25.

6. Keçeci AD, Çelik Unal G, Sen BH. Comparasion of cold lateral compaction and continuous wave of obturation techniques following manual or rotatory instrumentation. Int Endod J. 2005;38:381-8.

7. Tanomaru Filho M, Duarte MAH, Tanomaru, JMG. O que está mudando na obturação: In: Dib LL, Saddy MS, coordenadores. Atualização clínica em odontologia. São Paulo: Artes Médicas; 2006. v.1, p. 89-110.

8. Leonardo MR. Tratamento de canais radiculares: princípios técnicos e biológicos. São Paulo: Artes Médicas; 2005.

9. De-Deus GA, Gurgel-Filho ED, Maniglia-Ferreira C, Medeiros UV, Coutinho-Filho T. Análise da plastificação e deformação da guta-percha em três técnicas de obturação. Rev Bras Odontol. 2002;59:328-31.

10. Gurgel-Filho ED, Feitosa JPA, Gomes BPFA, Ferraz CCR, Souza-Filho FJ, Teixeira FB. Assessment of different gutta-percha brands during the filling of silmulated lateral canals. Int Endod J. 2006;39:113-8.

11. Damasceno JL, Silva PG, Queiroz ANFS, Vardasca de Oliveira PT, Pereira KFS. Estudo comparativo do selamento apical em canais radiculares obturados pelas técnicas cone único Protaper e termoplástica TC. Rev Gaucha Odontol. 2008;36:417-22.

12. Clinton K, Himel VT. Comparison of a warm guttapercha obturation technique and lateral condensation. J Endod. 2001;27:692-5.

13. Walton R, Torabinejad M. Princípios e prática em Endodontia. 2ª ed. São Paulo: Editora Santos;1997.

14. Da Silva D, Endal U, Reynaud A, Portenier I, Orstavik D, Haapasalo M. A comparative study of lateral candensation, heat-softened gutta-percha, and a modified master cone heat-softened backfilling technique. Int Endod J. 2002;35: 1005-11.

15. De-Deus G, Gurgel-Filho ED, Magalhães KM, Coutinho- Filho T. A laboratory analysis of gutta-percha-filled area obtained Thermafil, System B and lateral condensation. Int Endod J. 2006;39:378-83.

16. Goldberg F, Artaza L, De Silvio A. Effectiveness of Different Obturation Techniques in the Filling of Simulated Lateral Canals. J Endod. 2001;27:362-4.

17. Wu MK, van der Sluis LWM, Wesselink PR. A preliminary study of the percentage of gutta-percha-filled area in the apical canal filled with vertically compacted warm gutta-percha. Int Endod J. 2002;35:527-35.

18. Pereira KFS, Yoshinari GH, Insaurralde AF, Silva PG, Biffi JCG. Análise qualitativa pós instrumentação utilizando instrumentos manuais de aço inoxidável e rotatórios de níquel titânio. Pesq Bras Odontoped Clin Integr. 2007;7:247-52.

19. Zanella HVN. Análise comparativa da porcentagem de área preenchida pela obturação no terço apical dos canais radiculares em três diferentes técnicas [Trabalho de Conclusão de Curso]. Campo Grande: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul; 2007.

20. Tanomaru-Filho M, Bier CAS, Tanomaru JMG, Barros DB. Evaluation of the thermoplasticity of different gutta-percha cones and de TC System. J Appl Oral Sci. 2007;15:131-4.

21. Cohen S, Burns RC. Pathways of the pulp. St. Louis: Mosby; 1994.
588018887f8c9d0a098b4cb8 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections