Revista de Odontologia da UNESP
ISSN 1807-2577 (Eletrônico)
Artigo Original

The removable acrylic partial denture in primary care: the experience and satisfaction of dental surgeons

A prótese parcial removível acrílica na atenção primária: experiência e satisfação dos cirurgiões dentistas

Rita de Cássia SILVA; Raquel Conceição FERREIRA; Denise Vieira TRAVASSOS; Andréa Maria Duarte VARGAS

Abstract

Abstract: Introduction: The guidelines of the National Politics of Oral Health have led to the inclusion of elemental prostheses in the list of Primary Care procedures.

Objective: This paper aimed to evaluate the performance and satisfaction of dental surgeons with the implementation of Acrylic Partial Dentures.

Metodology: The sample was composed by 159 dental surgeons (sample calculation), in Belo Horizonte, MG, Brazil, selected via raffle (simple random sampling). A structured questionnaire was built with 72 questions on the daily practice of the performance of dental surgeons, using the SurveyMonkey platform.

Result: The results showed that for most of dental surgeons, the inclusion on the list of primary care procedures was a positive initiative and they have enjoyed the experience of using Acrylic Partial Dentures. Dental surgeons who had graduated in private institutions reported to have had more failures than those who had graduated in public institutions. The better prepared dental surgeons reported less difficulties and failures, and the more satisfied professionals with the performance of Acrylic Partial Dentures related had also experienced fewer failures. Considering the indication, the majority of participants did it according to the protocol of the institution (only for anterior teeth) but many revealed the use of dentures also for premolars.

Conclusion: Acrylic partial dentures have been a reality in the Brazilian social context even before their inclusion in the list of Primary Care procedures. Such inclusion indicates their relevance; however, it is necessary to have their confection systematized by a protocol in public services.

Keywords

Partial dentures, dentists, job satisfaction, clinical protocols

Resumo

Resumo: Introdução: As diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal orientaram para a inclusão de próteses elementares no rol de procedimentos da Atenção Primária em saúde bucal.

Objetivo: Avaliou-se a experiência e satisfação dos cirurgiões-dentistas com relação à execução de Prótese Parcial Removível Acrílica no serviço público.

Metodologia: A amostra foi composta de 159 cirurgiões-dentistas (cálculo amostral) da rede de atenção primária de Belo Horizonte, selecionados através de sorteio (amostra aleatória simples). Para a coleta de informações, construiu-se um questionário estruturado, com 72 questões inerentes à prática diária de sua execução. Para aplicação do questionário e facilitar a análise estatística dos resultados, utilizou-se a plataforma SurveyMonkey.

Resultado: Para a maioria dos profissionais, a inclusão da prótese parcial removível acrílica como procedimento da Atenção Primária foi uma iniciativa positiva e a maioria teve boa experiência com as diversas fases de sua confecção. Os dentistas graduados em instituições privadas relataram ter mais insucessos do que os das instituições públicas. Verificou-se que quanto mais preparado se sentiu o dentista, menos dificuldade na confecção e menos relato de insucesso. Quanto mais satisfeito com a realização, maior ausência de insucesso. Com relação à indicação, a maioria o fez segundo o protocolo da instituição (somente para dentes anteriores) mas muitos revelaram a confecção incluindo também os pré-molares.

Conclusão: A prótese parcial acrílica tem sido realidade no contexto social brasileiro mesmo antes da inclusão na Atenção Primária, o que dimensiona a sua relevância. No entanto, faz-se necessário ter sua confecção sistematizada por um protocolo próprio nos serviços públicos.
 

Palavras-chave

Prótese parcial removível, cirurgiões-dentistas, satisfação no trabalho, protocolos clínicos

Referências

1 Brasil. Ministério da Saúde. Diretrizes da política nacional de saúde bucal [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2004 [citado 2016 Jan 4]. Disponível em: http://dab.saude.gov.br/portaldab/biblioteca.php?conteudo=publicacoes/pnsb.

2 Brasil. Projeto SBBrasil 2010. Pesquisa Nacional de Saúde Bucal – resultados principais [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2011 [citado 2016 Jan 4]. Disponível em: http://dab.saude.gov.br/CNSB/sbbrasil/arquivos/projeto_sb2010_relatorio_final.pdf.

3 Xie Q, Ding T, Yang G. Rehabilitation of oral function with removable dentures--still and option? J Oral Rehabil. 2015 Mar;42(3):234-42. PMid:25327636. http://dx.doi.org/10.1111/joor.12246.

4 Belo Horizonte. Prefeitura. Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte. Protocolo para atenção básica em saúde bucal. Compromissos da saúde bucal no SUS- BH. Belo Horizonte: Prefeitura Municipal; 2006.

5 Belo Horizonte. Prefeitura. Publicações da Atenção Primária. Normas, manuais, fluxos e protocolos. Saúde [Internet]. Belo Horizonte: Prefeitura Municipal; 2016 [citado 2016 Jan 4]. Disponível em: http://www.pbh.gov.br

6 Brasil. Ministério da Saúde. DATASUS Tecnologia da Informação a Serviço do SUS [Internet]. Brasília: Departamento de Informática do SUS; 2016 [citado 2016 Nov 11]. Disponível em: http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/tabcgi.exe?sia/c16

7 Radhi A, Lynch CD, Hannigan A. Quality of written communication and master impressions for fabrication of removable partial prostheses in the Kingdom of Bahrain. J Oral Rehabil. 2007 Feb;34(2):153-7. PMid:17244238. http://dx.doi.org/10.1111/j.1365-2842.2006.01685.x.

8 Allen PF, Jepson NJ, Doughty J, Bond S. Attitudes and practice in the provision of removable partial dentures. Br Dent J. 2008 Jan;204(1):E2. PMid:17571093. http://dx.doi.org/10.1038/bdj.2007.568.

9 Pun DK, Waliszewski MP, Waliszewski KJ, Berzins D. Survey of partial removable dental prosthesis (partial RDP) types in a distinct patient population. J Prosthet Dent. 2011 Jul;106(1):48-56. PMid:21723993. http://dx.doi.org/10.1016/S0022-3913(11)60093-0.

10 Wilson VJ. Acrylic partial dentures--interim or permanent prostheses? SADJ. 2009 Nov;64(10):434, 436-8, 440. PMid:20306859.

11 Torres EM, Rocha SS, Carvalho MA, Maffra PET, Costa RF. Avaliação do planejamento para prótese parcial removível e da qualidade dos modelos e requisições enviados aos laboratórios. ROBRAC: Rev Odontol Bras Central. 2011;20(52):25-30.

12 Castro JCO, Zanetti RV, Feltrin PP, Froner EE, Moura CDVS. Modelos de prótese parcial removível e comunicação entre cirurgiões-dentistas e técnicos de laboratórios na cidade de Teresina, Piauí. RGO. 2009 Jul-Set;57(3):273-9.

13 Shaghaghian S, Taghva M, Abduo J, Bagheri R. Oral health-related quality life of removable partial dentures weares and related factors. J Oral Rehabil. 2015 Jan;42(1):40-8. PMid:25146999. http://dx.doi.org/10.1111/joor.12221.

14 Lynch CD, Allen PF. The teaching of removable partial dentures in Ireland and the United Kingdom. Br Dent J. 2007 Oct;203(8):E17. PMid:17599079. http://dx.doi.org/10.1038/bdj.2007.581.

15 Rovani G, Piccinin F, Flores ME, Conto F. Avaliação clínica dos tecidos de suporte protético de pacientes usuários de próteses removíveis da Faculdade de Odontologia de Passo Fundo. Stomatos. 2011 Jan-Jun;17(32):33-42.

16 Milward P, Katechia D, Morgan MZ. Knowledge of removable partial denture wearers on denture hygiene. Br Dent J. 2013 Nov;215(10):E20. PMid:24231889. http://dx.doi.org/10.1038/sj.bdj.2013.1095.

17 Sekele IB, Naert I, Lutula PS, Ntumba MK, Bolenge I, Kaba K, et al. Influence of the removable partial denture acrylic resin on oral health quality of life. Odontostomatol Trop. 2016 Mar;39(153):36-46. PMid:27434918.

18 Marachlioglou CR, Santos JF, Cunha VP, Marchini L. Expectations and final evaluation of complete dentures by patients, dentist and dental technician. J Oral Rehabil. 2010 Jul;37(7):518-24. PMid:20202093. http://dx.doi.org/10.1111/j.1365-2842.2010.02072.x.

19 Garbin CAS, Saliba NA, Moimaz SAS, Santos KT. O papel das Universidades na formação de profissionais na área de saúde. Rev ABENO. 2006;6(1):6-10.

20 Goetz K, Campell SM, Broge B, Dörfer CE, Brodowski M, Szecsenyi J. The impact of intrinsic and extrinsic factors on the job satisfaction of dentists. Community Dent Oral Epidemiol. 2012 Oct;40(5):474-80. PMid:22519887. http://dx.doi.org/10.1111/j.1600-0528.2012.00693.x.

21 Kimoto S, Kimoto K, Kitamura A, Saita M, Iijima M, Kawai Y. Effect of dentist’s clinical experience on treatment satisfaction of a complete denture. J Oral Rehabil. 2013 Dec;40(12):940-7. PMid:24237360. http://dx.doi.org/10.1111/joor.12108.

22 Carlsson GE. Critical review of some dogmas in prosthodontics. J Prosthodont Res. 2009 Jan;53(1):3-10. PMid:19318064. http://dx.doi.org/10.1016/j.jpor.2008.08.003.

23 Andrade KM, Andrade SM, Jabali AM, Mestriner SF, Caccia Bava MCGG, Mishima SM, et al. Consensos em saúde bucal aprimorando a atenção básica, Ribeirão Preto, SP. Medicina. 2011;44(4):355-66.
 

5a296b850e88257a76b9cfea rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections