Revista de Odontologia da UNESP
http://revodontolunesp.com.br/article/588019ac7f8c9d0a098b5297
Revista de Odontologia da UNESP
Congress Abstract

Mordida cruzada anterior: diagnóstico precoce e abordagem terapêutica

Ruiz, R. T. M.; Ramos, A.P.B.; Felin, C. R.; Cuoghi, O.A.; Mendonça, M.R.

Downloads: 1
Views: 290

Resumo

A mordida cruzada anterior é uma má oclusão que pode ser definida pela presença de um trespasse horizontal negativo na região de incisivos e caninos, envolvendo um ou mais dentes. Dados obtidos da literatura relatam uma prevalência de 1 a 4%, variando de acordo com a faixa etária. Os fatores etiológicos considerados para esta má oclusão são o deslocamento do dente permanente devido a traumatismos no dente decíduo antecessor, a presença de dentes supranumerários, a retenção prolongada de dentes decíduos, a diminuição do arco devido a cáries, a presença de hábitos deletérios e a influência genética nos casos de Classe III. A mordida cruzada anterior pode ser classificada conforme sua origem em esquelética, dentoalveolar e funcional. Desta maneira será apresentado por meio de casos clínicos o diagnóstico da mordida cruzada anterior. Contudo, esta má oclusão deve ser diagnosticada e tratada precocemente, pois é incomum a autocorreção, tende a agravar-se com o crescimento e desfavorecer o prognóstico de tratamento. O perfil facial, a relação molar, a relação dos caninos, a inclinação dos incisivos superiores e inferiores e o trespasse horizontal são características clínicas necessárias para identificar a etiologia desta má oclusão. Além disso, o diagnóstico diferencial é baseado na averiguação da oclusão em máxima intercuspidação habitual comparada com a posição de relação central. Foi concluído que é fundamental o conhecimento e discernimento dos sinais clínicos para um plano de tratamento adequado e propiciar um meio de desenvolvimento mais favorável da oclusão.

Palavras-chave

Ortodontia preventiva, má oclusão, mordida cruzada.
588019ac7f8c9d0a098b5297 rou Articles
Links & Downloads

Rev. odontol. UNESP

Share this page
Page Sections